Segunda a Sexta 09:00 - 19:00

Up Clinic

+351 925 227 377
info@davidrasteiro.pt 


Tratamentos / Corpo

Mommy makeover

Chamamos mommy makeover a uma conjunto de procedimentos de cirurgia plástica realizados para devolver à mulher as formas do corpo que tinha antes do processo da gravidez (pré e pós-parto). Num processo de mommy makeover é importante estabelecer uma relação de confiança com o seu cirurgião plástico. Estamos a falar de processos cirúrgicos como a realização de uma abdominoplastia – para remover a pele solta e recuperar a firmeza na zona abdominal – e procedimentos ao nível da mama que podem incluir um lifting da mama ou uma mamoplastia de aumento/redução. Pode existir ainda a necessidade de recorrer à cirurgia de lipoaspiração de forma a retirar gordura em excesso acumulada que permite atingir um corpo mais definido.

Durante o processo de gravidez, com maior incisão no pós-parto, o corpo da mulher apresenta algumas alterações que a incomoda. Ao nível da mama, podemos observar um aumento de volume fruto do processo de amamentação, e mesmo um excesso de pele que confere o que muitos cirurgiões plásticos denominam de uma mama mais descaída ou com grande atrofia da glândula mamária. Na zona da barriga surgem os sinais de maior flacidez e excesso de pele e ainda as estrias. O processo do mommy makeover vem assim ajudar a mulher a recuperar muita da sua feminilidade e auto-estima.

O processo cirúrgico associado ao mommy makeover consiste na realização de cirurgias nas regiões acima referidas, podendo realizar-se uma só intervenção capaz de aferir resultados ao nível da barriga e da mama. Caso a paciente prefira, poderá realizar de forma faseada o conjunto de tratamentos determinados pelo cirurgião plástico.

Ao nível da barriga é realizada uma abdominoplastia que permita corrigir situações como flacidez muscular. A recuperação da região do umbigo pode ser corrigida através de uma simples onfalopastia. Outro procedimento recorrente do processo do mommy makeover é a realização de uma abdominoplastia acompanhada de uma lipoaspiração de forma a retirar o excesso de pele e gorduras localizadas.

Os cuidados pós-operatórios de um mommy makeover estão sempre dependentes do número de intervenções a que a paciente se sujeita e aos timings definidos com o cirurgião plástico. Em média o período de recuperação total do mommy makeover varia entre as 4 e as 6 semanas, devendo existir um acompanhamento permanente por parte do seu médico.

Lipoaspiração / Lipoescultura

Na sua essência, a lipoaspiração é uma cirurgia que permite reduzir a gordura acumulada em determinadas áreas através de mini incisões. Podemos realizar lipoaspiração clássica ou associar algumas técnicas como o laser ou a vibração mecânica que aumentam a velocidade do procedimento. Outro procedimento consiste na reutilização da gordura aspirada em outro local do corpo que necessite de mais volume (processo denominado de lipofilling).

A técnica cirúrgica da lipoaspiração tem evoluído no sentido de evitar perdas sanguíneas e no controlo do resultado. O meu objectivo como cirurgião plástico é o de, através de uma lipoaspiração ou lipoescultura, remodelar o corpo de um paciente com precisão. Os resultados são verdadeiramente surpreendentes. Na lipoaspiração conseguimos retirar gorduras há muito acumuladas, contribuindo para um corpo mais firme e elegante. É importante perceber que a lipoaspiração não emagrece, apenas reduz o volume. A lipoaspiração não consegue tratar a celulite. Esta cirurgia reduz sim a quantidade de gordura na zona onde iremos actuar de forma eficaz e permanente. É fundamental não esquecer que mesmo depois de realizar uma lipoaspiração, deve adoptar um estilo de vida saudável, onde a prática de exercício físico e uma alimentação rica e variada são o segredo para continuar a sentir a força dos resultados.

Em média a realização de uma lipoaspiração pode durar entre 1 a 5 horas, sendo uma cirurgia realizada com anestesia local, podendo estar associada ou não a uma sedação. Dependendo do volume a aspirar, assim o procedimento pode ser realizado em ambulatório, ou necessitar de 1 a 2 dias de internamento. As incisões realizadas durante uma lipoaspiração são pequenas e efetuadas nas pregas cutâneas naturais, o que as torna praticamente imperceptíveis ao fim de 3 meses. Os cuidados pós-operatórios são também fundamentais para o processo de recuperação. A recuperação de uma lipoaspiração inclui a utilização de uma cinta de compressão elástica e a realização de drenagens linfáticas manuais. Após este processo de recuperação o paciente pode voltar ao trabalho ao fim de 3 a 4 dias mas só poderá retomar a actividade desportiva ao fim de 1 mês.

Abdominoplastia / Lipoabdominoplastia

A abdominoplastia é uma cirurgia plástica de contorno corporal abdominal que permite reconstruir a parede abdominal muscular e desenhar uma silhueta mais definida e esteticamente mais perfeita. Muitos homens e mulheres vão acumulando gordura na região abdominal ao longo dos anos. A remoção dessa gordura é insuficiente para restabelecer a forma ideal. É assim necessário aliar a remoção de gordura à excisão do excesso de pele criado para acompanhar o aumento de peso. Este processo só é possível através da realização de uma abdominoplastia.

Na grande maioria destas pessoas a parede abdominal cedeu por inúmeros motivos, sendo o mais frequente a gravidez. Por vezes, após a gravidez, o corpo não regressa exactamente à sua forma original, subsistindo algum afastamento dos músculos abdominais. Nestes casos a abdominoplastia é uma solução que pode mudar a vida e a auto-estima de um paciente.

A lipoabdominoplastia trata-se de um procedimento da cirurgia plástica que associa dois tipos de procedimentos, a lipoaspiração e a abdominoplastia. A lipoabdominoplastia é realizada quando não só existe um excesso de volume abdominal, mas também existe um excesso de volume nos flancos e no dorso.

Quer a abdominoplastia quer a lipoabdominoplastia são cirurgias indicadas para pacientes que pretendam remover o excesso de gordura e pele na região abdominal. Ambas as cirurgias duram em média 2h, sendo administrada uma anestesia geral ou sedação com epidural nos dois procedimentos.  Um paciente que recorra a uma abdominoplastia ou a uma lipoabdominoplastia terá de ter um período de internamento obrigatório de uma noite. Após realizar uma abdominoplastia ou uma lipoabdominoplastia deve ter em conta alguns cuidados pós-operatórios. A utilização de cinta durante um período de 3 semanas e as drenagens linfáticas manuais são obrigatórias. Obviamente que a dieta equilibrada e o exercício físico regular ajudam a manter os resultados o longo do tempo. O resultado destas cirurgias é definitivo e atingível ao fim de 3 a 6 meses de recuperação.

Como cirurgião plástico refiro sempre que caso seja fumador(a) terá de deixar de fumar durante os 2 meses que antecedem a cirurgia. Por fim, é importante referir que após realizar uma abdominoplastia ou uma lipoabdominoplastia poderá voltar ao trabalho ao fim de 2 a 3 semanas e retomar a actividade física ao fim de 6 semanas.

Lipofiling dos glúteos

A atenção dada à forma e ao volume dos glúteos é cada vez maior. Impulsionado por motivos culturais, tendências da moda ou ícones mediáticos, o aumento do volume dos glúteos é hoje uma cirurgia plástica muito procurada pelos meus pacientes. De uma maneira simples e muito geral, existem três opções para realizar o seu lipofiling, ou aumento dos glúteos, e para a melhoria da sua forma: as próteses de glúteos, o enxerto de gordura (lipofilling) e o preenchimento com material sintético, mais frequentemente com ácido hialurónico (método não cirúrgico).

O conceito do lipofilling dos glúteos é simples: remover a gordura de um local do corpo e colocá-la noutro. Para que isto seja possível, é necessário existir gordura em excesso em alguma área do corpo, pelo que nem todas as pacientes podem realizar este método. No lipofiling, o cirurgião plástico efectua uma lipoaspiração localizada, por exemplo, na região do abdómen ou flancos (zonas onde há uma maior predominância de gordura), trata-se muito bem a gordura aspirada para seleccionar a melhor possível, para depois a aplicar nos glúteos. O resultado é definitivo e sem hipóteses de rejeição. É uma alternativa muito eficaz, com poucos riscos e excelentes resultados. Estamos a falar de uma cirurgia com a duração aproximada de 2h30 minutos, onde é administrada uma anestesia geral ou local com sedação e onde a cicatriz é extremamente pequena (2 a 7 mm) localizada em locais pouco visíveis. A realização de um lipofiling implica sempre 1 dia de internamento.

O processo pós-operatório de um lipofiling dos glúteos é também importante. Será necessária uma especial atenção à postura, tendo a paciente que usar uma almofada específica para se sentar ou deitar de barriga para cima e ainda utilizar uma cinta. É recomendado que durma de barriga para baixo ou de lado. Terá ainda que realizar drenagens linfáticas. Após este processo pode voltar ao trabalho ao fim de 1 semana e voltar à actividade desportiva ao fim de 4 a 6 semanas.

Braquiplastia

A Braquiplastia é o procedimento cirúrgico de remodelação da forma do braço através da remoção de pele e gordura em excesso que levam muitas vezes à flacidez. Para se entender o processo de uma braquiplastia é importante entender que a remodelação do braço é necessária pois trata-se de uma situação incómoda não só́ a nível estético mas a nível funcional pois dificulta muitas vezes o trabalho e a actividade física.

Trata-se de uma cirurgia plástica com a duração de 2 horas que envolve uma anestesia local com sedação. Normalmente é necessário o internamento por um dia, embora a braquiplastia possa ser efectivado apenas em ambulatório. O paciente sujeito a uma braquiplastia pode ficar descansado no que diz respeito a qualquer tipo de cicatriz fruto da cirurgia já que fica com uma cicatriz praticamente imperceptível, na região posterior do braço.

Após realizar uma braquiplastia o paciente deve ter em atenção a mobilidade dos braços. É necessário o repouso dos braços nas primeiras semanas e, de acordo com o cirurgião plástico, deve utilizar mangas de compressão pós-cirúrgicas. Esta é uma cirurgia plástica que implica uma ausência laboral em média de 1 a 2 semanas. A retoma da actividade física deve ser feita ao final de 4 a 6 semanas após a cirurgia.

Cruroplastia

A cruroplastia é o nome que se atribui à cirurgia que consiste na excisão da pele e gordura em excesso na região das coxas. A maioria dos pacientes que recorre a uma cruroplastia sofreu uma grande perda de peso, resultante num excesso de pele, situação esta que é extremamente incomodativa. A realização de uma cruroplastia vai reduzir o perímetro da coxa, dando mais firmeza e consistência a esta zona do corpo.

A cruroplastia é uma cirurgia com a duração média de 2h30 que envolve a administração de uma anestesia geral ou anestesia local com sedação. A paciente terá sempre um período de 1 dia de internamento obrigatório. Realizar uma cruroplastia implicará ficar com uma cicatriz ao nível da prega inguinal, ficando no entanto totalmente disfarçada e imperceptível.

Os cuidados pós-operatórios de uma cruroplastia implicam a utilização de uma cinta apropriada, bem como o cuidado em manter os membros inferiores em repouso e os habituais cuidados de higiene redobrados. Se está a pensar realizar uma cruroplastia deve ter em conta que esta cirurgia implica uma ausência laboral de cerca de uma semana. Deve também estar atenta aos cuidados impostos pelo seu médico no que à actividade física diz respeito. Deve retomar a prática desportiva apenas ao fim de 6 semanas.

Cirurgia Íntima

  1. Labioplastia

Como cirurgião plástico cada vez mais vejo nas minhas pacientes uma preocupação com a estética das suas regiões íntimas. A hipertrofia dos pequenos lábios pode representar um problema para autoconfiança de muitas mulheres. Ao contrário do que se possa pensar, esta é uma situação bastante comum em muitas mulheres portuguesas. Por vezes, é o tamanho excessivamente grande dos pequenos lábios, outras é uma assimetria visível e desconfortável entre ambos. Todas estas pequenas deformidades são corrigíveis através da realização de uma labioplastia.

A realização de uma labioplastia dura aproximadamente 1 hora sendo necessário recorrer a uma anestesia geral. Com resultados vitalícios, na labioplastia as incisões são feitas ao nível dos pequenos lábios que, por se tratar de uma mucosa, cicatrizam de forma perfeita e invisível. A labioplastia é um procedimento cirúrgico realizado em regime ambulatório embora envolva alguns cuidados pós-operatórios importantes: deve ter um cuidado especial com a higiene da região; realizar lavagens com betadine ginecológico e abster-se de actividade sexual por um período de 3 a 6 semanas. No entanto a actividade sexual poderá ser retomada no final deste período.

A labioplastia é uma cirurgia que não implica qualquer ausência laboral, sendo o período de inactividade desportiva bastante curto (10 dias).

  1. Redução do Monte de Vénus

A cirurgia de Redução do Monte de Vénus é indicada para mulheres que apresentem uma acumulação de gordura excessiva na região púbica. Trata-se de uma cirurgia cuja duração ronda os 45 minutos, sendo realizada sob anestesia local.

A Redução do Monte de Vénus não implica internamento, embora no pós-operatório haja a necessidade de utilizar um elástico compressivo nos primeiros dias na região. Ao nível da cicatriz é realizada uma pequena incisão 5 mm abaixo da linha do biquíni, sendo totalmente discreta e por vezes imperceptível. Deverá ter em atenção a prática sexual após realizar uma Redução do Monte de Vénus. A retoma da actividade sexual deve ser retomada apenas ao final de 1 a 2 semanas após a cirurgia.

  1. Redução dos Grandes Lábios

A cirurgia da Redução dos Grandes Lábios surge como indicação médica por parte do cirurgião plástico em mulheres que apresentam um excesso de pele ou volume nos grandes lábios vaginais. Estamos a falar de uma cirurgia com a duração aproximada de 1 hora, realizada sob anestesia local. A Redução dos Grandes Lábios é uma cirurgia que não implica qualquer internamento podendo a paciente voltar ao trabalho no próprio dia. Os cuidados pós-operatórios são também fundamentais na recuperação total desta cirurgia. A paciente deve ter um cuidado especial com a higiene da região, realizando lavagens com betadine ginecológico e abster-se de actividade sexual por um período de 3 a 6 semanas.

A Redução dos Grandes Lábios quando realizada implica duas incisões feitas na parte interna dos grandes lábios, que no entanto são imperceptíveis após o período de recuperação.

Tem alguma dúvida?

Entre em contacto.